Significado da Ayurveda

Ayurveda deriva de duas palavras, Ayus e Veda. Compreender o significado de ambas as palavras é necessário para compreender plenamente a filosofia desta ciência.

Definição de Ayus

A tradução de “ayus” é "vida". No contexto védico, a definição de vida é mais amplo do que a vida simplesmente cronológica. Ela não significa apenas a idade de uma pessoa, o número de anos vividos na Terra medido desde o nascimento até os dias atuais. Ayus é muito mais do que isso, é uma combinação de:

sarira- Corpo
indriya- Sentidos
manas- Mente
atma- Alma

Juntos, estes quatro fatores são responsáveis ​​pela sustentação da vida ou da força vital (prana) no corpo, e cada um deles deve estar presente a fim de produzir ayus. Se qualquer um dos fatores acima está ausente, não podemos dizer que há vida / ayus. Tudo na Terra tem um corpo físico e uma alma, mas se também há a presença da mente e dos sentidos, isso determina que este ser tem vida. A razão porque uma pedra não está viva (não tem ayus) é que alguns dos fatores acima mencionados estão ausentes (mente, os sentidos). Prana não pode ser sustentado na ausência desses fatores.

Cada espécie animal tem cada um desses quatro fatores, assim prana circula e ayus está presente. Os sentidos e a mente dos animais são diferentes dos seres humanos, mas eles ainda existem como seres vivos. Insetos e animais podem perceber as coisas de forma diferente (como cores, sons, temperaturas, odores) e a mente não é tão bem desenvolvida como a dos seres humanos. Então ayus é a base da distinção entre objetos inertes e entidades dinâmicas, ou os seres vivos.

Definição de Veda
Veda é uma palavra sânscrita que significa "conhecimento" ou "ciência". O conhecimento védico é consagrado em catorze textos sagrados. Há quatro Vedas (Rig, Yajur, Sama e Atharva), seis Vedangas (auxiliares), Meemamsa (interpretações), Nyaya (lógica), Puranas e Shastras. Embora o conhecimento védico tenha sido originado na Índia, isso não significa que essas informações são relevantes apenas para os indianos. O conhecimento é o bem universal da humanidade, não é a propriedade de uma região. As informações Védicas podem ser utilizadas por qualquer pessoa, em qualquer parte do mundo. Se os indianos acreditam que essa riqueza de informação é de propriedade exclusiva deles e não as compartilham, não será oferecido ao resto do mundo a chance de aprender com a sabedoria profunda que enriqueceu essa cultura há séculos.

 

Desenvolvido por Smart Info